Por que minhas entregas estão sempre atrasadas?

atraso de entrega

Hoje, o mercado em geral e especialmente a cadeia automotiva não toleram mais o atraso de entrega. Por isso, costumamos dizer que o novo lema é: entregue no prazo ou não entregue mais!

Com a implantação de métodos de manufatura enxuta (o Lean Manufacturing), como o Just-in-Time que falamos anteriormente no artigo sobre as principais ferramentas do tema, a cadeia de produção está cada vez mais integrada e consequentemente mais dependente. Por isso, o indicador de performance de entregas dentro do prazo tornou-se tão crítico (OTD – On Time Delivery).

Os custos da paralisação da produção do seu cliente será cada vez mais alto, e não cumprir com os prazos de entrega é o caminho para o fracasso do seu negócio. A confiabilidade nas entregas é uma premissa básica para as empresas se manterem no mercado hoje.

Continue lendo este artigo e veja quais os principais problemas nos processos que atrapalham a sua indústria a cumprir os prazos de entrega do seu cliente. Se você vem enfrentando o atraso de entrega, ao menos um destes procedimentos estão falhando na sua empresa.

Os principais motivos do atraso de entrega

1. Falha no planejamento da capacidade de produção

Existe um senso comum na indústria de que “falhar no planejamento é planejar o fracasso”. Mesmo com tamanha a importância, muitas vezes o planejamento é deixado de lado ou não recebe a devida atenção no dia a dia, e quando você percebe, passou o dia todo apagando incêndios que foram causados pela falta de planejamento.

Durante o planejamento de produção, caso não seja considerado a capacidade de produção das máquinas, certamente será indicador de um problema. Os gargalos de produção aparecerão e você não conseguirá cumprir o prazo de entrega. Já falamos em outros artigos sobre como definir a capacidade produtiva na sua indústria e os problemas causados pelo mau planejamento da produção.

2. Processos padrão desatualizados

As informações de tempo de operação e tempo de setup são utilizadas para fazer o planejamento de materiais, por isso devem refletir a situação atual. Dessa forma, o planejamento de produção ficará mais próxima o possível do real.

O tempo dos ciclos de produção de uma peça podem mudar com o tempo, devido a diversos aspectos como novas inspeções de processos implantados pela qualidade ou redução da eficiência da máquina. Caso o tempo de produção de uma peça seja maior do que está cadastrado no processo, ao ser feito o cálculo de necessidades de materiais (o MRP), você começará a produção dessa peça atrasada, devido a mudança de tempo no processo que deveria ser começado antes. Essa situação irá gerar um gargalo na produção que resultará no atraso de entrega.

3. Erros na alimentação dos dados

Se você já utiliza um sistema de gestão na sua empresa provavelmente vai pensar que sua empresa não tem este problema e que isso é apenas para aqueles que ainda trabalham com planilhas. A verdade é que nenhum sistema no mundo faz milagre, eles retornam a informação de acordo com a qualidade que ela foi inserida inicialmente. Portanto, ao alimentar informações erradas, terá dados errados. 

É importante revisar os procedimento de alimentação de dados como recebimento e emissão de nota fiscal, processamento de pedidos, apontamentos de produção e etc. Automatizar o que for possível com leitores de códigos é uma forma de reduzir erros, pois estes erros irão impactar nas suas entregas finais, já que as informações de uma empresa caminham de forma integrada.

4. Falta de informação atualizada em tempo real

Digamos que tudo o que falamos até agora está ok na sua empresa, ainda sim, esses dados precisam ser acompanhados certo? Para identificar possíveis alterações de padrão, o gestor precisa ter visão dos processos e não apenas do que já aconteceu para corrigir, mas também do que está por vir.

Por isso, ter informações sempre atualizadas em tempo real é tão importante para garantir o desempenho na entrega. Quanto mais rápido você agir em relação ao baixo desempenho de uma máquina por exemplo, menores serão os riscos dessa máquina parar inesperadamente e atrasar a produção.

5. Errar na definição do lead time de compra

Um erro muito comum que impacta diretamente no planejamento é a definição do lead time de compra.  Para este tempo não se deve considerar apenas o tempo que o fornecedor precisa para te entregar material a partir da colocação do pedido, ou seja o tempo de entrega dele, e sim o processo como um todo.

O recebimento da necessidade, a colocação do pedido, aprovação do pedido e todas as outras atividades envolvidas no processo devem ser consideradas. Quando o lead time de compra está incorreto, os recebimentos dos materiais pela produção ficam atrasados e por consequência, suas entregas.

6. Falta de integração das informações

Como sempre falamos, a empresa é um sistema integrado, portanto, trabalhar com uma “ilha de informações” por área faz com que os dados se percam no caminho e os processos deixem de ser confiáveis. Se você não tem processos confiáveis, como pretende honrar os prazos de entrega para o seu cliente? Como pode garantir a entrega do material no prazo sem a certeza de que há 100 ou 200 unidades do componente no estoque ou ainda, sem saber se o pedido de compra já está colocado e quando ele será recebido?

7. Falta de previsão de demanda

Quando a empresa possui um lead time de produção, mais do que o prazo de entrega exigido pelo cliente, ter uma previsão de demanda é crucial. No entanto, essa previsão não pode ser feita com base apenas no otimismo dos representantes comerciais, é necessário prever com base em dados e periodicamente atualizá-las de acordo com o cenário.

A falta de uma previsão de demanda fará com que seus níveis de estoque não estejam adequados quando a demanda chegar, assim como outros recursos podem não esta disponíveis, e é claro que suas entregas irão atrasar.


Conseguiu identificar em quais pontos sua empresa pode estar falhando? Para ajudar a resolver estes gargalos, aqui na QS oferecemos o Q4-ERP Industrial, um sistema de gestão completa para indústria do segmento automotivo. Solicite uma apresentação e veja como podemos ajudar a sua empresa.

About The Author

Equipe de Conteúdo QS

Nossos conteúdos são produzidos por especialistas nas diversas áreas da Indústria. A QS está em constante busca por informações e atualizações sobre tecnologia e Gestão Industrial, com o objetivo de trazer a melhor informação para os clientes.

Adicionar comentário

*

code

*Preencha todos os campos corretamente

Veja também outros artigos recentes

rastreabilidade de produto
19/03/2021
Você sabia que garantir a rastreabilidade de produtos é um dos requisitos básicos para se tornar fornecedor da cadeia de diversos segmentos? Para conseguir um contrato com uma montadora por...
capacidade produtiva
15/12/2020
Você sabe qual é a capacidade produtiva da sua indústria? Essa informação pode ser o que falta para a sua empresa aumentar a produtividade, reduzir os custos e melhorar o...
implantar apontamento de produção
24/11/2020
O apontamento de produção indica em qual etapa do processo de produção determinado produto se encontra, mas além disso ele é crucial para uma boa gestão de estoque, gestão de...